Newsletter Numerologia 2020-09-10T08:29:17+00:00
Ano Pessoal em
Seleciona o mês e dia de nascimento
Selecione o mês
Selecione o dia
Ano Pessoal: 1
Estás agora no primeiro ano de um ciclo de nove anos. O que vais fazer agora neste novo ciclo vai determinar os acontecimentos dos restantes anos seguintes. Logo é importante dares atenção e perspectivares favoravelmente este novo ciclo que se inicia.
Palavras-chave: inícios, iniciativa, decisões e independência
Estes anos são favoráveis para começares algo que tens vindo a adiar ou a procrastinar. São anos bons para iniciar um novo projecto, trabalho, mudança de casa, mudança no núcleo de amigos, nos relacionamentos, etc. É provável que nesta fase te sintas mais só, pois também é um ano para a independência e a individualidade, é algo que tens de fazer por ti, no teu caminho de vida. É um ano para mostrares a ti o que és capaz de fazer. Normalmente são anos mais movimentados para criar a mudança e a oportunidade, mas isto só acontece se tu tiveres a iniciativa de o fazer acontecer, pois o sucesso está de acordo com o esforço individual e com a coragem de trazer as transformações na vida. Por isso é tão importante concentrares em ti e no que queres alcançar nos próximos nove anos.

São anos que exigem empenho, tudo o que estiver a atrapalhar (a inércia, a preguiça, os medos e receios) só vão atrapalhar este momento. Podes notar alguma solidão, por isso tens de olhar mais por ti e fazer acontecer. A probalidade de sucesso está bastante elevada neste ano.
Ano Pessoal: 2
Estás agora no segundo ano de um ciclo de nove anos. No ano anterior foi-te exigido que começasses algo de modo positivo em relação à tua vida e realização pessoal. Agora que iniciaste algo, este ano pode mostrar-se um pouco mais lento, pois o início de projectos, de relações e mudanças têm sempre de ganhar estrutura e maturidade. O ano passado plantaste a semente, agora tens de dar tempo para ela germinar.
Palavras-chave: cooperação, sociabilizar, paz e harmonia
Como o ano anterior podes ter estado mais individual, este ano pode apetecer-te conviver mais, reforçar e enraizar o teu caminho de vida. Toma cuidado e protege-te para não seres alvo de ataques energéticos, pois podes sentir alguma carência emocional e deixares a tua energia em aberto, o que pode bloquear a tua vida. Procura ter mais diplomacia, compreensão e aceitação pelas outras pessoas. Podes ainda ter de apaziguar algumas situações durante este ciclo, o que te vai ajudar a encontrares uma postura na tua vida.

Nos relacionamentos com outras pessoas pode haver alguma dificuldade a necessitar de ser ultrapassada e podes sentir alguma insegurança, por isso é recomendável que consigas utilizar a tua habilidade que este ano está mais ativa, o poder do equilíbrio.
Ano Pessoal: 3
Estás agora no terceiro ano de um ciclo de nove anos. O ano anterior foi um ano mais calmo e tiveste de ter alguma tolerância com as emoções e com as energias mais lentas. Estavas a aguardar que as sementes plantadas no ano 1 começassem a ganhar raiz. Pois agora a energia é para começar a ser movimentada. É um ano maravilhoso para o ganho de dinheiro, mas atenção se não fizeres qualquer esforço, pode ser um ano improdutivo e infeliz.
Palavras-chave: atividade, criatividade, expansão e auto-expressão
Podes começar a sentir alguma necessidade extra de viajar e de explorar outras energias no país ou no estrangeiro. Aproveita este momento e explora a tua criatividade e vontade de viver. Se sentes que chegou o momento de fazer coisas novas, dá importância a esse sentimento, pois estás num momento de grande atividade e é importante colocar essa energia a mexer, pois isso vai alargar novos horizontes da tua vida. Podes destacar-te muito neste ano, o que poderá levar-te a cuidares mais de ti da tua saúde, do teu corpo físico. Esta mudança vai trazer-te mais confiança e foco no que queres fazer nos próximos nove anos.

Pode ser um ano de nascimentos (um bebé, um projecto, um relacionamento, uma mudança positiva), este é o ano dos entusiasmos, do otimismo e da expansão. Aproveita para dares tudo que tens, sem entrares em exageros. Sem deixar os que mais amas de lado ao focares exageradamente em ti.
Ano Pessoal: 4
Estás agora no quarto ano de um ciclo de nove anos. O ano anterior foi um ano movimentado e de grande expansão. Este ano vai-te ser pedido que organizes e consigas gerir tudo o que está à tua volta.
Palavras-chave: organização, ordem, disciplina e trabalho
Este é um ano prático e de muita organização, é o momento de centrares no plano material e organizares a tua vida. Esta vontade pode ser tão evidente neste que poderás sentir necessidade de (organizar e tornar a casa mais minimalista ou tirar pessoas da tua vida com quem já não te conectas). Como o teu subconsciente está focado na ordem, vais sentir uma grande necessidade olhar em redor de toda a tua vida. Se tens planos que gostavas de iniciar, este pode ser um bom ano para os colocar em ação, pois vais ter organização neles. É um ano de muito trabalho e podem acontecer várias necessidades em simultâneo, pelo que deves conseguir gerir tudo de forma muito organizada.

Com estas mudanças e organizações podem haver gastos mais elevados neste ano, pelo que é importante também saberes gerir bem as tuas finanças para não teres gastos supérfluos. É um ano de trabalho e por isso toma especial atenção se já te dedicas muito ao trabalho, pois podes acabar por trabalhar em demasia.
Ano Pessoal: 5
Estás agora no quinto ano de um ciclo de nove anos. O ano anterior foi um ano de organização e materialização, foi importante conseguires colocar a ordem na vida e deixa-la numa base sólida e bem estruturada. É um ano muito movimentado e por isso foi tão importante os preparativos sólidos do ano anterior.
Palavras-chave: comunicação, decisões, mudanças e experiências
Este ano podem haver muitas perdas e oscilações, por isso é importante que consigas acalmar as emoções e aceitar que as mudanças trazem sempre algo para lutar e no final receber. Se procuras um rumo na tua vida este é um ano bom para comunicares isso a ti e aos que te podem ajudar, por este ano também é um ano bom para se abrirem as portas. Este ano é um ano muito especial, pois como tem os seus altos e baixos é importante saberes gerir os dois. Nos baixos: a concentração, a calma e a fé de que tudo isto é uma fase que vai passar. Nos altos: o dinamismo, o foco e força para avançares naquilo que te faz encontrar o teu rumo.

Este é o ano da transformação, o que pode vir de forma rápida e inesperada. Podes notar que a tua rotina ficou diferente, pois este ano leva a muitas mudanças, novas pessoas na vida, hábitos diferentes ou novas obrigações. Se havia estagnação este ano vais sair dela. É um ano favorável às viagens e aprenderes a fazer coisas de forma diferente do habitual.
Ano Pessoal: 6
Estás agora no sexto ano de um ciclo de nove anos. O ano anterior foi um ano de muita movimentação e viveste muitas experiências, emocionais e físicas. Agora este ano vai ser pedido que acalmes e consolides tudo o que aprendeste e construíste, para criares responsabilidade na tua vida.
Palavras-chave: amor, família, responsabilidade e dever
Este ano pede-te mais dedicação ao lar e à família, podes ter necessidade de tomar algumas rédeas na tua vida e vai ser importante teres a responsabilidade, é um ano para cresceres e sentires o amor. É um ano bom para o casamento, no entanto se houver falta de estabilidade emocional, também rege os divórcios. É um ano em que o aspecto estético é importante e por isso podes ter necessidade de re-decorar a casa ou mesmo o teu aspecto físico. Aquela semente que plantaste no ano um, tem vindo a crescer e agora entra no ciclo da estabilidade e renovação. Podes sentir alguma necessidade de fazer investimentos neste ano, pelo que são anos positivos a isso, no entanto toma atenção para saberes onde realmente queres apostar o teu dinheiro.

O ano seis é um ano lento em relação a projectos, mas muito dinâmico em relação à dedicação ao lar e à família, por isso, é pedido que tenhas alguma paciência e tolerância, pois este ano é para ser dedicado a fazeres algo pelos outros (pela família, pela casa), e também por ti.
Ano Pessoal: 7
Estás agora no sétimo ano de um ciclo de nove anos. O ano anterior foi um ano de dedicação ao lar e à família. Foi tempo de encontrares a tua responsabilidade na vida. Os últimos anos podem ter sido um pouco agitados e gastaste muita energia, agora é tempo de descansar. Evita as discussões e os locais movimentados.
Palavras-chave: descanso, realização física, perfeição e análise
Este é um ano lento que te pede para reflectir, estudar e aprender aquilo que ficou pendente no passado. Entraste numa fase de recolhimento, pelo que é provável que não queiras ter muitas ligações com os outros. É uma fase em que podes sentir mais cansaço do que o habitual, mas uma vontade imensa de aprender mais e dedicares aos estudos. É também uma boa altura para te resguardares, para estares contigo, para meditares, reflectires e colocares em ordem os teus pensamentos, para descobrires o que queres e precisas de fazer nos próximos anos. Se precisas de fazer uma pausa, este é um bom tempo para o fazeres, ou pelo menos aproveitares bem os momentos de laser em locais calmos na praia ou no campo, ou pausas para viagens de estudo.

Sendo um ano espiritual, aproveita bem para aprofundares e desenvolveres a tua espiritualidade, auto-conhecimento e encontrares o teu Eu Interior. Este é um bom momento para cuidares da tua saúde e observares também os anos anteriores e saberes o que queres fazer a seguir.
Ano Pessoal: 8
Estás agora no oitavo ano de um ciclo de nove anos. O ano anterior foi um ano para parar, descansar, recompor as energias e dedicares ao mundo espiritual. Agora que analisaste como foram os teus últimos anos, vais receber a recompensa por eles.
Palavras-chave: karma, negócios, material e recompensa
Este é o ano da recompensa, podes receber algo que te era devido, ou recuperar algo que tenhas perdido. É um ano para dar atenção aos assuntos materiais em geral. Estás a cumprir a lei da "causa e efeito" e vais receber exatamente aquilo que andaste a plantar nos anos anteriores. Se te dedicaste bem nos últimos anos as recompensas vão ser maravilhosas (reconhecimento, honras, prémios, aumento financeiro), pelo que se não te dedicaste o suficiente, algo pode-se perder neste ano (desemprego, dificuldades financeiras ou perdas). É um ano rápido e por isso, bom para apostar em algo que tenhas sentido vontade de fazer, normalmente nestes anos os resultados são visíveis rapidamente, mas pedem-te esforço e empenho.

Evita tudo o que te levar à preguiça, ao cansaço, e à procrastinação, mas também os excessos, os impulsos e a ganância, pois o ano oito tudo se multiplica. É um ano de ação e por isso aquilo que não foi resolvido no passado pode ter um avanço agora.
Ano Pessoal: 9
Estás agora no último ano de um ciclo de nove anos. O ano anterior foi um ano de karma e de receberes aquilo que andaste a semear nos anos anteriores. Estás quase a voltar ao início de um novo ciclo de nove anos e por isso agora é tempo de terminar coisas na tua vida, para dar espaço a novas energias e ações entrarem.
Palavras-chave: fim, transição, caridade e sabedoria
Prepara-te para teres mudanças na tua vida, pois este é o ano para concluir tudo o que estiver pronto para terminar. Muitas energias fecham-se neste ano (pessoas saem da tua vida, relações, projectos e/ou ideias que terminam), o que sair agora é porque já não faz parte da tua evolução e da tua energia. Tudo o que estiver pendente de ser resolvido, deve ser resolvido nesta altura. É preciso espaço para no próximo ano plantares a nova sementeira do novo ciclo de nove anos. É o ano das reviravoltas e por isso pode ser um ano difícil para uns, pois existem assuntos que podem abruptamente terminar e levar a sentir muita necessidade de chorar e limpar energias. Contudo, quando há um fecho é porque algo novo está a iniciar e por isso podem haver inícios com muita alegria.

Os últimos nove anos serviram para aprenderes muito sobre ti e sobre a vida, agora podes retribuir o Universo trazendo algo espiritual a ti ou aos outros. É o ano para atingir objetivos a que te tenhas proposto, mas cuidado, pois pode ser um ano sensível à mudança, o que prolonga um período de transição que deveria passar rápido e sem dor.