Tarte de Figos com Massa Quebrada

Uma tarte deliciosa para comer no verão é a Tarte de Figos. Esta tarte é muito simples de fazer e se tiveres muitos figos maduros torna-se ainda no salva figos. Quando fiz esta tarte, partilhei a foto no meu Instagram e perguntei se queriam a receita, aqui está ela.

Não adiciono açúcar nesta receita pois os figos quando são cozidos ficam muito doces, no entanto se preferires podes adicionar açúcar ou geleia no momento de cozinhar.

Quando a tarte sai do forno, ainda está muito líquido o recheio, espera aproxidamente 3 horas para solidificar e serve. Caso não resistas coloca numa taça e sabes que vai escorrer o recheio.

Como explico no meu livro Cozinha com os Chakras, os figos pertencem ao chakra do Terceiro Olho e Coroa, assim esta tarte está ligada a estes dois chakras.

Esta receita está disponível para a versão Bimby e Tradicional.
Vamos preparar a receita? 😊


Autor: Carina Barbosa - Be Pure Inside
Vegan
Cru
Sem-Glúten
Requer Prep.
Preparação: Fácil
Duração: 45m
Serve: “12”

Ingredientes

Tradicional Bimby
  1. Corta os figos em pedaços pequenos.
  2. Coloca os figos no tacho (não é necessário adicionar doce, pois o figo já é muito doce, no entanto é opcional)
  3. Deixa cozinhar em temperatura média durante 5 minutos ou até que a fruta fique macia e solte a calda natural.
  4. Num recipiente à parte, dissolve o amido de milho com a água e junta aos figos, envolvendo bem até ficar cremoso. Retira do quente.
  5. Numa forma de tarte, coloca 1 folha de massa quebrada deixando uns centímetros de fora da tarteira. Com um garfo, pica a massa mas sem ires muito ao fundo, apenas para ajudar a massa a cozer melhor.
  6. Na outra base de massa quebrada, com um cortador de pizza ou uma faca afiada, faz 3 a 4 golpes em cima (para a tarte respirar no forno) – (vê aqui a imagem 1).
  7. Verte a mistura de figos para a massa na tarteira.
  8. Coloca a folha de massa quebrada (que tem os cortes) e dobra as pontas da massa e faz pressão com os dedos para unir as extremidades (para que durante a cozedura a calda não escorra) – (vê aqui a imagem 3 e 4).
  9. Por cima pincela com a Calda para Pincelar Massas de Forno – 3 versões e polvilha com açúcar por cima.
  10. Leva ao forno pre aquecido a 220 ºC durante 20 minutos ou até a tarte ficar dourada.
  1. Coloca no copo da Bimby os figos, programa 5 seg | vel 4
  2. Não é necessário adicionar doce, pois o figo já é muito doce, no entanto é opcional, optando coloca agora, programa 5 min | temp 90 ºC | vel Colher Inversa
  3. Num recipiente à parte, dissolve o amido de milho com a água e junta aos figos, programa 2 min | temp 90 ºC | vel 2
  4. Se necessário envolve um pouco com a espátula quando a Bimby parar, ou se ainda não estiver cremoso programa mais alguns minutos.
  5. Numa forma de tarte, coloca 1 folha de massa quebrada deixando uns centímetros de fora da tarteira. Com um garfo, pica a massa mas sem ires muito ao fundo, apenas para ajudar a massa a cozer melhor.
  6. Na outra base de massa quebrada, com um cortador de pizza ou uma faca afiada, faz 3 a 4 golpes em cima (para a tarte respirar no forno) – (vê aqui a imagem 1).
  7. Verte a mistura de figos para a massa na tarteira.
  8. Coloca a folha de massa quebrada (que tem os cortes) e dobra as pontas da massa e faz pressão com os dedos para unir as extremidades (para que durante a cozedura a calda não escorra) – (vê aqui a imagem 3 e 4).
  9. Por cima pincela com a Calda para Pincelar Massas de Forno – 3 versões e polvilha com açúcar por cima.
  10. Leva ao forno pre aquecido a 220 ºC durante 20 minutos ou até a tarte ficar dourada.

Nota
No meu livro Cozinha com os Chakras existe a opção da massa sem glúten.

Segue-me aqui nas redes sociais:
Instagram | Facebook | Youtube

Luz e amor,
Carina Barbosa

By | 2021-07-23T09:12:48+00:00 Julho 21st, 2021|Receitas, Sobremesas|0 Comments

Leave A Comment

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.